Projeto oferece acompanhamento para fumantes deixarem o vício

A transformação da Universidade Católica de Pelotas e seus campi em um espaço livre do consumo de tabaco teve início em 2007, a partir do programa UCPel Mais Saudável, sob coordenação do médico Roni Quevedo. Em pouco mais de uma década, obteve-se importantes conquistas na luta contra o fumo em âmbito local e estadual. Na manutenção de suas ações, o programa oferece orientação médica, espiritual e psicológica, a partir do próximo dia 18, para quem deseja largar o cigarro.

“Fumar é antissocial e prejudicial, não apenas para o fumante como também para todos ao seu entorno”, comenta Quevedo, que relembra a trajetória do UCPel Mais Saudável e seu principal projeto, o Fumo Zero. A data marcante deste trabalho foi 2 de dezembro de 2013, quando uma portaria assinada pelo reitor assegurou a proibição do consumo de produtos fumígenos nas dependências da Universidade.

A portaria incluiu ainda o Hospital Universitário São Francisco de Paula, o Campus Dr. Franklin Olivé Leite, as Unidades Básicas de Saúde sob gestão da UCPel, a Rádio Universidade e o Lar da Criança São Luiz Gonzaga, inclusive em espaços parcialmente fechados ou simplesmente murados.

A restrição em áreas externas gerou certo estranhamento, uma vez que a atitude era praticamente inédita no país. Logo na sequência, a Câmara de Vereadores procurou a UCPel para tê-la como exemplo na idealização da Lei Municipal Antifumo. “Sempre há resistência, mas o comportamento mudou bastante. Tornou-se cultural não fumar na Católica, inclusive nos pátios”, avalia Roni.

Gradativamente, o UCPel Mais Saudável passou a abrigar, além do Fumo Zero, outros projetos, como Vi-Vendo, que oferece teste de visão para jovens entre cinco e 14 anos em áreas desassistidas, e o Homeopatia Pública, que busca incorporar à rede pública de saúde o atendimento com homeopatia. Atualmente, o Fumo Zero tem buscado a adesão de escolas municipais e estaduais.

 

Ajuda

O serviço gratuito de orientação médica, espiritual e psicológica para dependentes do tabaco fica à disposição da comunidade acadêmica toda quarta-feira, das 10h às 11h30min, na Capelania da UCPel (rua Gonçalves Chaves, 373). Para agendamento em outro horário, ligar para (53) 2128-8004. Quevedo recepciona alunos, professores e funcionários que buscam acompanhamento contra o vício do cigarro.

 

Redação: Max Cirne