Programa Vi-vendo visa implantar teste de visão nas escolas

Teste de acuidade visual para crianças de cinco a 14 anos da rede municipal de ensino, Programa Vi-vendo, desenvolvido pelo professor da UCPel Roni Quevedo, foi pauta de reunião na manhã desta sexta-feira (21/8/15) com o prefeito Eduardo Leite, que estava acompanhado pela superintendente da Secretaria da Saúde (SM), Rosângela Soares, e pelo assessor especial Sadi Sapper.

O programa apresentado por Quevedo propõe a realização de teste de visão através da escala Snellen, que é realizado com a utilização de um tapa-olho a cinco metros de distância. É um teste simples e que identifica problemas de visão em menos de cinco minutos, demonstrou o professor realizando o teste com o prefeito. Estudos afirmam que de 5% a 15% das crianças em idade escolar necessitam do uso de óculos, afirmou.

Um PL sobre o programa já tinha sido aprovado pela Câmara de Vereadores, determinando a obrigatoriedade do teste. Mas o prefeito entende que é fundamental que haja um estudo e planejamento para colocá-lo em prática. Eduardo determinou que seja feito este estudo, com a participação das secretarias de Educação e Saúde, para identificar o que deve ser feito e também um planejamento para que o programa seja implantado com segurança e eficácia.

Além de um treinamento de professores para a aplicação do teste através da escala de Snellen, é necessário também para àquelas crianças identificadas com problemas de visão o encaminhamento para um médico oftalmologista, e após, se for o caso para a confecção dos óculos.

A prefeitura já desenvolve programas semelhantes, alguns deles através de parcerias. Este ano já foram beneficiadas três mil crianças.

 

Fonte: Prefeitura Municipal de Pelotas